domingo, 20 de Janeiro de 2019
bannerAbs

Notícias / Local

Roubo a loja de Bastos é esclarecido pela Polícia Civil da cidade e dois adultos são presos e um menor apreendido

10/12/2018

17h12

Redação Bastos Já – com informações da Polícia Civil de Bastos

A Polícia Civil de Bastos esclareceu um roubo ocorrido no final de outubro deste ano em um estabelecimento comercial que funciona na região central da cidade e prendeu os acusados de envolvimento no crime. O delegado Sandro Resina Simões informou ainda que dois indivíduos, ambos de 22 anos de idade, foram presos em cidades da região entre o final de novembro último e começo deste mês e um adolescente de 15 anos de idade foi apreendido em Bastos nesta segunda-feira, dia 10.

O delegado da Delegacia de Polícia Civil de Bastos, Sandro Resina Simões, disse que o comércio foi invadido por três indivíduos encapuzados “que simulando estarem armados, ameaçaram a vítima e consumaram a subtração de diversas peças de vestuário e dinheiro, causando um prejuízo aproximado de R$ 3.000,00”. O crime foi esclarecido pela equipe do Setor de Investigações Gerais (SIG) da unidade de Polícia Civil local após a execução de diversas diligências em Bastos e em cidades da região.

Sandro Resina Simões revelou ainda que todos os acusados tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça do Fórum da Comarca de Bastos. A representação para as prisões foi formalizada pelo delegado Sandro Resina Simões, que explicou que um dos acusados de 22 anos foi preso na tarde de 29 de novembro na cidade de Adamantina e o outro no último dia 3 em Herculândia. O menor de idade foi preso hoje (10) cedo em Bastos.

O delegado de Bastos disse que os adultos “já se encontram recolhidos no Centro de Detenção Provisória de Caiuá e o adolescente está sendo encaminhado a Cadeia Pública de Lutécia” e que durante as diligências “parte dos produtos do crime foi apreendida em poder dos próprios autores, bem como nas residências de um pedreiro de 43 anos e de um ajudante de motorista de 38 anos”. O pedreiro acusado de receptação “foi autuado em flagrante delito durante busca domiciliar realizada em sua casa e se encontra em liberdade provisória em razão de ter recolhido a quantia de R$ 1.908,00 de fiança” disse Sandro Resina Simões.

Ainda segundo o delegado, os acusados de autoria do roubo “poderão ser condenados à pena de reclusão de até 15 anos, além da multa, reprimenda que sofrerá agravo de até 4 anos em virtude do envolvimento de adolescente e os receptadores poderão ser condenados à pena de reclusão de até 4 anos, além da multa”.

Sandro Resina Simões destacou que investigações que esclareceram a autoria delitiva e proporcionaram a recuperação de grande parte dos produtos subtraídos, “bem como as prisões de todos os autores” foram desenvolvidas pelos policiais civis Nei, Nilton, Antônio, Galego, Maran, Jaqueline, Marcos, Evandro e Nelson. “A execução das prisões contou também com a valiosa colaboração dos policiais civis e militares das cidades de Adamantina e Herculândia”. 

Veja também:
© Copyright 2012 BASTOS JÁ. Política de Privacidade | by designer - E.I.G Soluções