segunda-feira, 17 de Dezembro de 2018
bannerAbs

Notícias / Local

Justiça do Fórum de Bastos condena há 45 anos de prisão acusado de matar pastor iacriense

05/12/2018

20h15



Redação Bastos Já - com informações de Nilton Mendonça da Rádio Cidade FM de Bastos

A Justiça do Fórum de Bastos condenou há 45 anos de prisão o indivíduo acusado de assassinar o pastor Hermelindo Cláudio Ferreira, na época com 64 anos de idade e que era morador em Iacri. O crime, ocorrido entre a noite do dia 13 e madrugada de 14 de dezembro de 2017, foi praticado com crueldade depois que a vítima foi fazer um ato de solidariedade ao acusado.

Segundo informações do radialista Nilton Mendonça, da Rádio Cidade FM de Bastos, a sentença foi dada pelo juiz Arthur Lutiheri Baptista Nespoli, do Fórum da Comarca de Bastos, no final do mês passado, mais precisamente no último dia 30. O réu, preso desde a época do crime, pode recorrer da sentença, medida que deve, ou já pode até ter sido adotada, pelo advogado de defesa.

O crime

Segundo informações obtidas com a Polícia na época, na noite do dia 13 de dezembro de 2017, um indivíduo - que segundo a denúncia seria o acusado - procurou o pastor e pediu para que o mesmo o levasse para Tupã pois precisava visitar um parente que estava internado em hospital da vizinha cidade. Devido a vítima conhecer o indivíduo, pois este teria realizado um serviço de pintura na igreja, aceitou levá-lo até Tupã.

Consta ainda que durante a viagem, o pastor foi dominado e assassinado com vários golpes de faca. O corpo foi abandonado em uma propriedade rural no município de Iacri. Na madrugada do dia seguinte, a Polícia Militar de Iacri recebeu informações de que havia um veículo capotado na estrada vicinal que liga Iacri a Bastos.

Os policiais militares foram ao local e ao verificarem o veículo constataram ser do pastor iacriense - que até então estava desaparecido - e localizaram no interior do carro um celular, sendo que no cartão de memória do aparelho havia a fotografia de um homem identificado como sendo o acusado. Na manhã do dia 14, um sitiante localizou o corpo da vítima e acionou a Polícia Militar.

O aparelho celular localizado no interior do carro da vítima foi entregue a DIG (Delegacia de Investigações Gerais), que prosseguiu com as investigações, localizou a prendeu o indivíduo de cerca de 40 anos e residia em Iacri.

Veja também:
© Copyright 2012 BASTOS JÁ. Política de Privacidade | by designer - E.I.G Soluções