Fechar
Região

Acidentes matam duas pessoas na SP-294; vítimas são diretor da UniFAI e empresário de Lucélia

16 de Março de 2020

06h19

Por: site Siga Mais

Foi confirmada a morte e a identidade do motociclista envolvido no segundo acidente ocorrido na tarde deste domingo (15) na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Lucélia.

Trata-se do professor universitário, Doutor José Luiz Vieira de Oliveira, de 44 anos. Ele foi diretor pró-tempore, de janeiro a junho de 2017, na transição das Faculdades Adamantinenses Integradas (FAI) para Centro Universitário de Adamantina (UniFAI).



Informações sobre a identidade da vítima começaram a circular em aplicativos de mensagens logo após o acidente, mas a confirmação da morte foi dada pela própria UniFAI, que por volta das 19h45 divulgou nota oficial assinada pela reitoria da instituição.

Na nota, reitoria declara luto oficial e suspende todas as atividades administrativas da instituição nesta segunda-feira (16), sendo o expediente administrativo retomado na terça-feira, (17). “Todo o corpo administrativo e docente da UniFAI solidariza-se com a família e amigos, externando o mais profundo pesar”, afirma a nota.

Os dois acidentes

Por circunstâncias a apurar, houve uma colisão entre moto conduzida pelo professor universitário e um automóvel Corolla, cerca de 200 metros do local onde a PM Rodoviária atendia uma primeira ocorrência, quando dois veículos se colidiram frontalmente, resultando em uma vítima fatal – inicialmente socorrida pelo Corpo de Bombeiros em estado grave até o pronto-socorro da Santa Casa de Lucélia – e uma vítima leve.



A vítima fatal do primeiro acidente é Osvaldo Faustino, proprietário de uma tradicional garagem de carros localizada em Lucélia. Seu corpo foi colocado à disposição do Instituto Médico Legal para exames periciais e posterior liberação à família.

No segundo acidente, o motociclista foi arremessado na pista, e socorrido pelo Corpo de Bombeiros em estado grave, não resistindo. O corpo do professor universitário também deve ser colocado à (IML), para os procedimentos habituais e posterior liberação.

Os acidentes mobilizaram as equipes da Polícia Militar Rodoviária de Adamantina, o policiamento de área da Polícia Militar de Lucélia, Corpo de Bombeiros de Adamantina, serviços de saúde e Unidade Básica de Atendimento do Departamento de Estradas de Rodagem (UBA/DER), e ainda as equipes da Polícia Científica e do Instituto Médico Legal (IML), que produzirão laudos para apurar as circunstâncias e eventuais responsabilidades nas duas ocorrências, que deverão ser investigadas pela Polícia Civil.