Fechar
Região

Padres decidem não retomar as missas presenciais em Tupã; Adamantina realizará as celebrações com restrições

13 de Agosto de 2020

09h25

Fonte: Tupacity

Apesar da permissão dada pelo bispo da diocese de Marília, Luiz Antônio Cipolini, os padres da cidade de Tupã optaram por não retornar as missas com o povo na cidade por enquanto.

No final de julho, o bispo liberou o retorno das celebrações litúrgicas públicas gradualmente a partir do dia 22 de agosto.

No entanto, de acordo com o padre Carlos Roberto dos Santos, que é pároco da Matriz de São Pedro e vigário geral da Região Pastoral II (onde Tupã se encaixa), as missas ainda não serão retomadas na cidade.

Em contato com o Tupacity.com ele explicou que a decisão foi tomada em consenso com os demais padres da cidade. O motivo, de acordo com ele, é o aumento dos casos de infecção pelo coronavírus.

Também foi considerado o decreto do prefeito Caio Aoqui que está vigente e que limita a celebração dos cultos religiosos a apenas uma vez por semana, aos domingos.

Outro fator levado em conta foi a quantidade de idosos que costumam frequentar as missas. Ainda segundo o padre, houve uma reunião com as autoridades municipais onde a orientação foi adiar o retorno.

Adamantina

Em comunicado distribuído à imprensa nesta quarta-feira (12), as três paróquias de Adamantina - Paróquia Nossa Senhora de Fátima, Paróquia São Francisco de Assis e Paróquia Santo Antônio de Pádua – detalharam o cronograma e orientações aos fiéis, sobre a retomada das celebrações públicas presenciais.

De acordo com o site Siga Mais, seguindo as orientações das autoridades de saúde, as celebrações católicas, nas três paróquias de Adamantina, serão realizadas com restrições.

O comunicado distribuído à imprensa detalha nove pontos, que deverão ser seguidos pelos fiéis:

1 - Participação de no máximo de 40% da capacidade de cada templo.

2 - Exigido uso de máscaras e higienização das mãos e pés na entrada da igreja.

3 - Famílias poderão ocupar o mesmo banco (ex. pais com filhos).

4 - Só poderão ocupar os lugares assinalados nos referidos bancos.

5 - Não será permitida aglomeração na chegada e na saída das Missas.

6 - Para participação nas Missas todos deverão retirar senha na secretaria paroquial durante semana.

7 - Pede-se que cada cristão participe de uma única Missa por semana

8 - Serão retomados a administração dos Sacramentos, sendo de devem procurar as Paróquias para inscrição de batizados e casamentos. Para os mesmos não serão exigidos curso de preparação.

9 - Não haverá procissão de ofertas e de comunhão. Ofertas serão colocadas nas cestas que estarão na entrada da igreja. Comunhão será distribuída somente nas mãos e nos lugares ocupados.