Fechar
Esportes

Corinthians vence o líder São Paulo e mantém tabu em Itaquera

14 de Dezembro de 2020

00h12

Fonte: globoesporte.globo.com

Venceu quem mereceu!
Clássico é clássico. Mas nem sempre é vice-versa. Na noite deste domingo, na Neo Química Arena, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Corinthians encarou o Majestosto como deveria e venceu por 1 a 0, com um gol de Otero. O líder São Paulo perdeu justamente por não ter tratado o jogo com a mesma importância. Mais eficaz, o Timão fez valer a sua força em casa contra o rival (agora são 13 jogos em Itaquera, com 10 vitórias alvinegras e três empates). Do lado do Tricolor, além de o tabu continuar, cai a invencibilidade de 17 jogos na competição nacional.

Como fica?
Apesar da derrota, o São Paulo segue na liderança, com 50 pontos. Mas viu a diferença para os demais concorrentes diminuir (o Atlético-MG, próximo adversário, está com 46, e o Flamengo foi a 45). O Corinthians, por sua vez, chegou aos 33 pontos e saltou para o nono lugar.

Primeiro tempo
Além de melhor, o Corinthians foi mais eficaz do que o São Paulo no primeiro tempo. Sem deixar o rival jogar e encaixando bem os contra-ataques, o Timão chegou com perigo duas vezes com Léo Natel, aos cinco e aos oito minutos. Volpi salvou o Tricolor. Aos 22 minutos, a primeira chegada do São Paulo. Juanfran cruzou, e Brenner cabeceou para fora. Dois minutos depois, um erro de passe de Reinaldo deu o contra-ataque para o Corinthians. Otero avançou com velocidade e bateu cruzado, sem chance para o goleiro são-paulino: 1 a 0. Longe de apresentar futebol de líder, o São Paulo só chegou de novo em falta de Sara, batida pra fora. O Corinthians, por sua vez, teve duas chances de ampliar: em falta cobrada por Otero e em chute cruzado de Léo Natel. Os rivais ainda perderam, na reta final da etapa, dois jogadores com lesões: Cantillo e Luciano deram lugar a Camacho e Pablo, respectivamente. No último minuto, após cobrança de falta de Sara (mais uma!), Cássio salvou o Corinthians.

Segundo tempo
Na etapa final, o São Paulo fez mudanças para tentar sair da forte marcação do Corinthians e ter melhor toque de bola. Entraram Igor Vinicius e Tchê Tchê nos lugares de Juanfran e Bruno Alves. Mas o Timão manteve o nível da atuação nos primeiros 45 minutos e dificultou para o rival. Ramiro e Otero, em chutes cruzados, levaram perigo. E o Tricolor, assim como no primeiro tempo, só chegou em cobrança de falta. Reinaldo bateu com força, a bola desviou na barreira, e Cássio salvou. Aos 30, o Corinthians desperdiçou uma chance de ouro: Volpi saiu jogando errado, perdeu a bola para Cazares, e Camacho foi travado antes de bater para o gol vazio. Depois disso, o São Paulo partiu com tudo para o ataque, mas não conseguiu chegar com perigo para construir o empate. O mais perto foi uma cabeçada de Arboleda, aos 43 minutos. No fim, vitória merecida do Corinthians.

Próximos jogos
Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o São Paulo recebe o vice-líder Atlético-MG, na quarta-feira, às 21h30, no Morumbi, em confronto direto pela ponta. O Corinthians volta a campo apenas no dia 21, uma segunda-feira, às 20h, contra o Goiás, novamente na Neo Química Arena.