Fechar
Esportes

Convocado por Felipão na Seleção, Pato é visto no Palmeiras como o finalizador em falta no elenco

26 de Março de 2019

12h29

Fonte: globoesporte.globo.com

O bom poder de finalização de Alexandre Pato é o que faz o Palmeiras tentar a contratação do atacante, que está livre no mercado após rescindir com o Tianjin Tianhai, da China, e também interessa ao São Paulo.

O primeiro entendimento da diretoria do Palmeiras era de que o elenco estava fechado, principalmente após o fracasso nas negociações de saídas de Borja e Deyverson para o futebol chinês. Mas o desempenho abaixo do esperado em 2019 faz o clube analisar opções para o setor ofensivo.

É de entendimento interno que Pato, convocado pelo técnico Luiz Felipe Scolari para a seleção brasileira quando atuava pelo Corinthians, em 2013, pode melhorar a média de gols do time na temporada.

A comissão técnica entende que não há entre os atacantes do elenco do Palmeiras alguém com tanta tranquilidade nas tomadas de decisão cara a cara com o goleiro como Pato.

Até o duelo desta terça-feira, contra o Novorizontino, o Palmeiras soma 19 gols marcados em 15 jogos no ano. Os artilheiros da equipe são Borja e Ricardo Goulart, com três gols cada.

No último sábado, com Borja em má fase e Deyverson então em recuperação de lesão muscular, Felipão promoveu a estreia de Arthur Cabral, que entrou no intervalo no lugar do colombiano e fez o gol de empate por 1 a 1 contra o Novorizotino.

Na China, Pato marcou 34 gols em 58 jogos pelo Tianjin Tianhai, de acordo com números do site Ogol. No Brasil, as passagens mais recentes foram por Corinthians (17 gols em 62 jogos) e São Paulo (38 gols em 98 jogos).

Mesmo com o interesse em Pato, o Palmeiras age com cautela, sem intenção de "fazer loucuras", principalmente em termos de salário. Uma ideia inicial seria um contrato até dezembro para se avaliar futuramente a possibilidade de um vínculo maior.