Fechar
Região

Polícia Rodoviária apreende produtos oriundos do Paraguai e avaliados em R$ 500 mil, na SP-294

15 de Fevereiro de 2021

08h54

Redação Bastos Já

A Polícia Rodoviária apreendeu grande quantidade de produtos, como celulares, essência de narguilé, papel de seda para cigarro artesanal, frascos de perfume, roteadores, HDs, telefones sem fio, kalouds para narguilé, varas de pesca, cadeados, relógios de pulso, isqueiros e óculos de sol, com valor estimado em torno de R$ 500.000,00, oriundos do Paraguai e desprovidos de documentação fiscal. Os produtos eram transportados caminhão Mercedes Benz, placas de Adamantina (SP), abordado na Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), quilômetro 654, por volta das 11h30 desse domingo, dia 14, no município de Dracena. Três pessoas receberam voz de prisão e ficaram à disposição da justiça.

A equipe do Policiamento Rodoviário de Adamantina abordou o caminhão que transitava no sentido Tupi Paulista a Junqueirópolis e durante a fiscalização o condutor e dois passageiros apresentaram certo nervosismo, gerando suspeita de que poderia haver algo de ilícito no veículo. Durante vistoria veicular foi encontrado na carroçaria (baú) várias caixas contendo os seguintes produtos: três celulares; 80 mil essência de narguilé; 641 papel de seda para cigarro artesanal; 300 frascos de perfume; 50 roteadores; 50 HDs; 30 telefones sem fio; 1.100 Kalouds para narguilé; 240 varas de pesca; 4.200 cadeados; 50.000 relógios de pulso; 100.000 isqueiros; e 30.000 óculos de sol.

A Polícia Rodoviária informou ainda que, diante dos fatos, foi dada voz de prisão em flagrante delito aos averiguados pelo crime de contrabando/descaminho e apresentados, juntamente com o veículo e as mercadorias, na Polícia Federal de Araçatuba. Foi ratificada a voz de prisão, registrado o boletim de ocorrência e o caminhão e produtos ficaram apreendidos e os indiciados presos por infração ao artigo 334 e 334-A do Código Penal Brasileiro, permanecendo naquela unidade sob custódia dos policiais federais para posterior encaminhamento à audiência de custódia.