Fechar
Região

Polícia Militar de Tupã prende rapaz de 19 anos com maconha, cocaína e R$ 1,4 mil em cédulas falsas

27 de Março de 2021

08h22

Redação Bastos Já - com informações cedidas por João Mário Trentini

A Polícia Militar de Tupã, com as equipes do 2º sargento Valentin, cabo Conelian e cabo Ruiz (Comando de Grupo Patrulha - CGP) e do cabo Bertholdo e cabo Urias (viatura I-09215), prendeu um indivíduo de 19 anos que mantinha em seu quarto sete porções de maconha embaladas em plástico branco, mais um pedaço prensado e um pouco da mesma droga a granel, um pino e uma porção de cocaína e uma quantia de R$ 1.440,00 em notas falsas. O caso de tráfico de entorpecentes e notas falsas foi registrado por volta dos 45 minutos da madrugada deste sábado, em uma moradia na área central de Tupã.

As equipes receberam denúncia anônima de tráfico de drogas pela área central da cidade e montaram um ponto de observação em local estratégico. Em determinado momento visualizaram dois indivíduos em frente a uma residência e durante a abordagem um dos suspeitos correu para o interior da casa, porém, foi acompanhado e detido no banheiro da moradia. O outro indivíduo, não esboçou nenhum tipo de reação, também foi abordado. Os policiais militares informaram que o indivíduo que tentou fugir, de 19 anos, alegou que correu pois teria em seu quarto maconha. O outro detido revelou não ter nada de ilícito.

Durante vistoria nos cômodos, os policiais militares localizaram no quarto do jovem de 19 anos as porções, o pedaço prensado e um pouco de maconha a granel, a cocaína e, dentro de um tênis, a quantia de R$ 1.440,00 em notas aparentemente falsas, com coloração diferente da original e todas ostentando a mesma numeração - 67 notas de R$ 20,00 e duas notas de R$ 50,00. Foi apreendido ainda no quarto do indivíduo uma quantia de R$ 650,00 em dinheiro. Diante dos fatos e da localização da droga e das notas falsas, os PMs deram voz de prisão ao acusado pelo crime de tráfico de drogas e crime de moeda falsa.

Ainda segundo a Polícia Militar de Tupã, a ocorrência foi apresentada na Delegacia da Polícia Federal em Marília e após oitivas o indivíduo de 19 anos permaneceu em cárcere a disposição da justiça. O outro detido foi liberado.