Fechar
Região

Polícia Ambiental aplica multa de R$ 38 mil por queimada em fazenda de Arco-Íris

01 de Junho de 2021

06h03

Redação Bastos Já

A Polícia Militar Ambiental de Tupã aplicou multa de R$ 38.870,00 após constatar uma queimada através de uso de fogo em área agropastoril e por danificar árvore nativa mediante fogo durante a colheita mecanizada da cana-de-açúcar em uma fazenda do município de Arco-Íris (SP), nessa segunda-feira, dia 31. A ocorrência, que resultou na multa, foi registrada pelos policiais ambientais cabo Padovesi, cabo Glaucimir e cabo Rodrigueiro.

Na data de ontem (31), os policiais realizavam a Operação Semana do Meio Ambiente – GAIA e ao verificarem focos de queimada constataram o uso de fogo sem autorização do órgão competente. Ainda segundo a Polícia Ambiental, o fogo originou-se durante a colheita mecanizada da cana-de-açúcar, em uma área correspondente a 38,87 hectares. Com base no Artigo 56 da Resolução SIMA nº 05/21 foi elaborado o auto de infração no valor citado acima.



Ainda segundo a equipe da Polícia Militar Ambiental de Tupã foi constatado ainda que as chamas danificaram uma árvore nativa (Ipê ), sendo elaborado um auto de infração ambiental com penalidade se advertência, com base no Artigo 52 da Resolução SIMA (Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente) nº 05/2021.