Fechar
Região

Queiroz: Polícia Ambiental aplica multa de mais de R$ 30 mil por danos à vegetação nativa

17 de Agosto de 2021

08h23

Redação Bastos Já

A Polícia Militar Ambiental de Tupã elaborou autos de infração que totalizaram R$ 30.940,00 ao constatar dano à vegetação nativa em área de preservação permanente as margens do Rio Caingangs, em uma propriedade rural do município de Queiroz (SP). A ocorrência de natureza “danificar vegetação nativa” foi registrada, nessa segunda-feira, dia 16, pelas equipes dos cabo Oliveira, cabo Martiniano e soldado Torres, soldado Vesu e cabo Piazentin, cabo Ravelli e cabo Rodrigueiro, quando, durante a operação “Rios Mais Seguros", efetuaram fiscalização as margens do Rio Caingangs, em um sítio, e constataram que o gado tem livre acesso a vegetação nativa e o local estava pisoteado.

Os policiais ambientais informaram ainda que, diante do fato, as áreas foram georreferenciadas com aparelho GPS e foram elaborados dois autos de infração ambiental: um por danificar 0,91 hectares de vegetação nativa secundária em estágio médio considerada de preservação permanente sem autorização do órgão competente, no valor de R$ 27.300,00, incorrendo no disposto do artigo 43 da resolução Sima 05/2021; e outro "por danificar 0,52 hectares de vegetação nativa em estágio médio mediante pisoteio de gado em objeto especial preservação, sem autorização da autoridade ambiental competente, no valor de R$ 3.640,00, incorrendo do disposto do 49 da resolução Sima 05/2021.