Fechar
Região

Polícia Ambiental aplica multa de R$ 201 mil por queimada em Rinópolis .

26 de Agosto de 2021

09h03

Redação Bastos Já

A queimada de 124 hectares de palha de cana-de-açúcar e destruição de mais de 13 hectares de vegetação nativa em estágio inicial em uma fazenda do município de Rinópolis renderam multas que somaram R$ 201.765,00, aplicadas pela Polícia Ambiental de Tupã. A ocorrência de “degradação ambiental mediante fogo” foi registrada nessa quarta-feira (25) pelos policiais ambientais 2º sargento Santos, cabo Padovesi e cabo Glaucimir.

A equipe realizava a operação “Corta Fogo 2021” e foi acionada para atender ocorrência de dois focos de queimadas que haviam sido captados pelo Satélite Referência "Aqua-MT", no dia 20 de agosto de 2021. Ao chegarem na propriedade rural, de imediato os policiais ambientais já constataram que o fogo de origem desconhecida atingiu a palha remanescente da colheita da cana-de-açúcar totalizando 124,50 hectares.

Durante o atendimento da ocorrência, foi constatado também que o fogo atingiu 13,52 hectares de vegetação nativa em estágio inicial situada em área comum, considerada objeto de especial preservação e se alastrou para a área de preservação permanente de uma nascente e um curso d'agua e atingiu 3,99 hectares de vegetação nativa em estágio pioneiro e 2,68 hectares em estágio inicial.

A Polícia Ambiental informa ainda quem diante do exposto, foram elaborados os três autos de infração ambiental, com medida administrativa de multa simples, com base nos artigos 43 e 49 da Resolução SIMA Nº 05/2021, que totalizaram R$ 201.765,00.