Fechar
Esportes

Possível titular na Copa do Brasil, Rodrygo vai deixar o Santos sem título para comemorar

10 de Abril de 2019

14h49

Fonte: globoesporte.globo.com

Rodrygo é um dos candidatos do técnico Jorge Sampaoli a ganhar uma vaga na equipe titular do Santos no duelo contra o Atlético-GO, nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), na reabertura da Vila Belmiro, válido pela volta da terceira fase da Copa do Brasil.

Isso porque Jean Mota, homem de confiança de Sampaoli, deve desfalcar o time por causa de uma lesão no ligamento colateral medial do joelho direito sofrida no clássico contra o Corinthians, na última segunda. Outros candidatos são Kaio Jorge, Eduardo Sasha e Jean Lucas.

O jogo entre Santos e Atlético-GO terá transmissão ao vivo do SporTV para todo o Brasil com narração de Odinei Ribeiro e comentários de Ricardinho. O GloboEsporte.com acompanha o jogo em tempo real, com vídeos.

Uma das principais estrelas do Santos em 2018, ano em que sua carreira deslanchou, Rodrygo perdeu o status de titular absoluto do Peixe conquistado na temporada passada. O atacante de 18 anos, já negociado ao Real Madrid, foi reserva nas principais partidas de 2019.

Em 12 jogos neste ano, Rodrygo foi titular em apenas cinco. Nos outros sete, saiu do banco de reservas. A pouco menos de três meses de sua transferência ao Real Madrid, onde se apresenta em julho, o Menino da Vila balançou as redes duas vezes em 2019.

Veja as partidas de Rodrygo em 2019:
Santos 3 x 0 Guarani – reserva: entrou em campo aos 16 minutos do segundo tempo e marcou um gol;

Palmeiras 0 x 0 Santos – titular e atuou os 90 minutos;
Santos 3 x 2 Oeste – reserva: entrou no intervalo e levou um cartão amarelo;
Santos 4 x 0 América-RN – titular, marcou um gol e foi substituído aos 38 minutos do segundo tempo;

Corinthians 0 x 0 Santos – reserva: entrou no intervalo;
Santos 0 x 1 Novorizontino – titular e substituído aos 31 minutos do segundo tempo;
Botafogo-SP 4 x 0 Santos – reserva: entrou no intervalo;
Santos 2 x 0 RB Brasil – titular (Derlis González, Cueva e Soteldo estavam com suas respectivas seleções) e substituído aos 37 minutos do segundo tempo;
RB Brasil 0 x 0 Santos – reserva (Derlis González, Cueva e Soteldo estavam com suas respectivas seleções): entrou no intervalo;
Corinthians 2 x 1 Santos – reserva: entrou no intervalo;

Atlético-GO 1 x 0 Santos – reserva: entrou no intervalo;
Santos 1 (6 ) x (7) 1 Corinthians – reserva: entrou no intervalo e converteu sua cobrança de pênalti.

Vale lembrar que Rodrygo só se juntou ao elenco santista nesta temporada em fevereiro – em janeiro, o jovem defendeu a seleção brasileira sub-20 no Sul-Americano da categoria.

Titular incontestável com Cuca e Jair Ventura em 2018, Rodrygo virou uma espécie de 12º jogador para Sampaoli, que tem preferido utilizar o atacante no segundo tempo. Quase todas vezes em que foi reserva, o argentino já voltou com o camisa 11 desde o início da segunda etapa.

A titularidade ou não de Rodrygo divide opiniões da torcida: uns defendem que o garoto não pode ser reserva, outros acreditam que o Peixe já deve buscar soluções para quando o atacante deixar o Santos no meio da temporada.

Rodrygo se apresentará no Real Madrid em julho deste ano, no início da temporada europeia.

Nada de troféu
Com a eliminação do Santos para o Corinthians no Campeonato Paulista, na última segunda-feira, Rodrygo não conseguirá cumprir seu principal objetivo antes da ida ao Real Madrid: ganhar um título pelo Peixe.

Antes da eliminatória contra o Corinthians começar, Rodrygo reafirmou, em entrevista ao "Troca de Passes", que sonhava em levantar a taça do Paulistão antes de se mudar para a Espanha.

– Um dos sonhos da minha vida no momento é sair do Santos com o título do Campeonato Paulista, que acho que é o único que eu vou conseguir disputar antes de ir embora – falou Rodrygo à época.

O Paulistão era a única chance que Rodrygo tinha para cumprir o objetivo de comemorar um título em campo com o Santos antes de se mudar para Madri. Isso porque o jovem se apresentará no gigante espanhol em julho, antes dos desfechos da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, as outras duas competições que o Peixe tem nesta temporada.

O presidente José Carlos Peres alimenta a esperança de manter Rodrygo no Santos até o fim do ano, como já disse em diversas entrevistas. O Real Madrid, no entanto, não abrirá mão de tê-lo em julho, início da temporada europeia.

Promovido ao elenco profissional do Santos no fim de 2017 por Elano, Rodrygo deslanchou em 2018 e foi vendido para o Real Madrid por 45 milhões de euros (R$ 193 milhões à época). O atacante tem 75 jogos pelo Peixe, com 14 gols marcados.