Fechar
Região

Flagrantes de embriaguez ao volante aumentam 61% durante a Operação República

16 de Novembro de 2021

12h43

Por g1 Presidente Prudente

A Polícia Militar Rodoviária divulgou o balanço da Operação Proclamação da República 2021, que terminou às 23h59 desta segunda-feira (15). Foram quatro dias de fiscalizações em mais de 1.530 quilômetros de rodovias, em 56 municípios do Oeste Paulista.

"Cabe ressaltar que a maioria dos acidentes poderia ter sido evitada, pois em grande parte dos casos, a causa desses sinistros continua relacionada à imprudência, negligência ou imperícia dos condutores ou pedestres, bem como o desrespeito às sinalizações", afirmou a corporação.

A polícia salientou que os dados da operação desse ano foram comparados com uma média entre os anos de 2019 e 2018, anos que havia situação de normalidade, antes da pandemia da Covid-19. Além disso, foi analisado um período de quatro dias.



No comparativo entre os período, houve uma queda nos acidentes sem vítimas, passando de nove para sete, e na quantidade de vítimas graves, que saiu de cinco para uma. Já em os acidentes com vítimas subiu de 10 para 12, e o número de vítimas leves foi de 14 para 15. Vítimas fatais permaneceram em um.



Sobre as autuações, houve uma elevação nos flagrantes de uso de celular, que passaram de nove para 34. A embriaguez ao volante também subiu de 47 para 76, e falta de uso do cinto de segurança foi de 87 para 140. Ultrapassagem em local proibido teve queda de 95 para 73.