Fechar
Região

Bombeiros de Adamantina e Osvaldo Cruz são homenageados com a Láurea de Mérito Pessoal

16 de Dezembro de 2021

13h19

Por: Siga Mais

Dezenove policiais militares que atuam nos pelotões do Corpo de Bombeiros de Adamantina e Osvaldo Cruz foram homenageados nesta quarta-feira (15) em Adamantina, em uma solenidade que concedeu a “Láurea de Mérito Pessoal”, por reconhecimento aos méritos no desempenho da missão policial-militar.

A solenidade contou com a presença dos homenageados e familiares, imprensa e autoridades civis e militares locais e regionais. A cerimônia ocorreu no anfiteatro da Biblioteca Púbica Municipal de Adamantina.



A medalha é dividida em cinco graus distintos. Aos bombeiros homenageados foram entregues as medalhas do 2º ao 5º grau. A maior graduação, em 1º grau, é concedida apenas pelo comandante geral da PM.




Veja quais foram os 19 homenageados em Adamantina:


2º Grau: 
1º sargento Paulo Rogério Victoriano

3º Grau: 
1º sargento Daniel Furtado Bettio
2º sargento Junio Cesar de Souza Xávier
2º sargento Gabriel Valente Silva
Cabo Éder José Farina


4º Grau:
1º sargento Itamar de Marqui Ferramosca
1º sargento Antônio Marcos de Oliveira
Soldado Tiago Raimundo de Souza
Soldado José Roberto Rodrigues Pardo
Soldado Daniel Celestino Custódio
Soldado Reinaldo Aparecido Nascimento da Silva


5º Grau:
Cabo Maurício Costabile Porta
Soldado Jéssica Silva dos Santos
Soldado Rafael Proença Caldeira de Oliveira
Soldado Gilcemar de Marqui Ferramosca
Soldado Patrícia Cristina Cavassana dos Anjos
Soldado Marcos Vinicius da Silva
Soldado Marcos Alberto Catolino dos Santos Junior
Soldado Thiago Soares dos Santos 


Homenagens civis

Além das homenagens aos militares, os representantes da administração municipal de Adamantina – a vice-prefeita Dinha Gil e o secretário municipal de administração, Evandro Souza – receberam certificados de reconhecimento ao diálogo, parceria, cooperação e apoio à atuação do Corpo de Bombeiros.



Medalha existe desde 1974


A “Láurea de Mérito Pessoal” foi criada através de portaria do Comandante Geral da Polícia Militar do Estado de São Paulo, conforme Boletim Geral nº 197 de 16 de outubro de 1974, inicialmente como “Medalha PMzito”. A condecoração trazia o soldado mascote da Polícia Militar no centro do distintivo, segurando uma flor. A partir do final dos anos 1980 a condecoração foi alterada para “Láurea do Mérito Pessoal” e a imagem do soldadinho foi substituída pelo escudo do brasão da Polícia Militar.