Fechar
Região

Jovens tem celulares roubados por ladrões em Tupã; uma das vítimas foi agredida

17 de Abril de 2022

09h14

Redação Bastos Já

A Polícia Militar realiza busca para localizar em prender três indivíduos que praticaram um roubo de celulares de dois homens, um de 23 e outro de 34 anos de idade, em Tupã, na madrugada deste domingo (17). Uma das vítimas, que teve roubado um aparelho celular Xiaomi Poco M3 de cor preta, uma bolsa e R$ 20,00 em dinheiro, foi agredida de forma covarde, por um dos ladrões, com soco e golpe de “rasteira” e derrubado.

Segundo informações da Polícia Militar, que atendeu a ocorrência com a equipe do cabo Luciano e cabo Santos, uma das vítimas relatou que estava caminhando em direção a sua residência e no cruzamento das ruas Hhambiquaras e Carijós, foi abordado por três indivíduos, sendo um gordo de pele branca, alto trajando shorts claro e camiseta preta e o outro usando shorts jeans escuro e blusa vermelha, simulando estar armado.

Ainda de acordo com esta vítima, o indivíduo gordo tentou subtrair seu celular Iphone 12 Pro Max e, para evitar de ter o celular roubado, atirou o aparelho em uma residência situada na Rua Iporans, porém, um dos indivíduos pulou no quintal da moradia e pegou o celular. Esta mesma vítima relatou ainda que os indivíduos também levaram uma bolsa de sua propriedade com sua carteira e todos os seus documentos pessoais.

A segunda vítima relatou que caminhava para sua residência e foi abordado pelos ladrões, um gordo, alto e de pele clara, trajando roupas shorts claro e camiseta escura, outro vestindo calça, blusa vermelha e de estatura mediana e o terceiro indivíduo de cor morena, usando short escuro e blusa preta. Conta ainda a vítima que o indivíduo de cor morena desferiu um soco em seu ouvido e lhe deu uma rasteira, subtraindo seu Xiaomi Poco M3, uma bolsa e R$ 20,00.

Os policiais militares ressaltam que as vítimas revelaram também que logo após o roubo, os criminosos fugiram em um veículo Gol, modelo bolinha e de cor preta, tomando rumo ignorado. O caso foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Tupã. A Polícia Militar faz buscas desde o momento da comunicação do roubo, por volta da 01h36 da madrugada de hoje (17) para localizar e prender os acusados.