Fechar
Região

Justiça mantém prisão de acusado de matar homem com golpes de canivete em Mariápolis (SP)

10 de Julho de 2022

11h52

Redação do Jornal Folha Regional / Ifolharegional.com.br

Em audiência de custódia realizada neste domingo (11), a Justiça manteve a prisão do homem de 42 anos, acusado de matar um jovem de 22 anos de idade na noite de sábado (9), no Bairro Mourão em Mariápolis.

Ele estava detido na Cadeia Pública de Adamantina e após passar pela audiência com um juiz, ficou mantida a sua detenção sendo encaminhamento para o Centro de Detenção Provisória de Pacaembu onde permanece à disposição das autoridades.

Segundo informou a Polícia Militar, a vítima estava em uma festa, onde ocorreu uma discussão que acabou em cadeiradas e agressões entre quatro envolvidos.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, durante a briga, para defender um amigo, ele teria se envolvido na discussão quando acabou atingido por três golpes de canivete e acabou morrendo.

O acusado teria se evadido do local e foi localizado pela Polícia Militar em uma residência em Flórida Paulista, onde mora. Preso, ele foi encaminhado ao Plantão da Polícia Civil de Adamantina.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil e laudos deverão ser juntados ao inquérito policial.