Fechar
Esportes

À espera de Uribe, Santos tenta melhorar pontaria para encerrar jejum de gols no Brasileirão

29 de Maio de 2019

14h31

Fonte: globoesporte.globo.com 

O Santos volta aos treinos nesta quarta-feira para iniciar, de fato, sua preparação para enfrentar o Ceará, no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Castelão, em Fortaleza, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro. Além de ter apresentado o atacante Marinho, a semana do Peixe também será de expectativa para o anúncio da contratação do centroavante Uribe, do Flamengo.

Para o jogo de domingo, no Castelão, apenas Marinho deve ser a principal novidade entre os relacionados do Santos. O atacante já treina com o elenco santista e pode ficar à disposição do técnico Jorge Sampaoli.

O acordo com Uribe está encaminhado. Apenas os exames médicos e a assinatura de contrato impedem o anúncio oficial. O centroavante colombiano, inclusive, já foi liberado pelo Flamengo a viajar para São Paulo e concluir a transferência. Ele é esperado ainda nesta semana o Santos para resolver as burocracias restantes.

Com tudo caminhando conforme o planejado, Sampaoli, enfim, terá o centroavante que tanto pediu ao longo dos últimos cinco meses. O colombiano é a aposta do clube para que o time não erre mais tantas finalizações e melhore a precisão.

Apesar de ter treinado na segunda-feira, o Santos utilizou a atividade do início da semana para recuperar os titulares na academia e aprimorar trabalhos táticos com suplentes. O treino desta quarta será o primeiro dos quatro trabalhos dos titulares em campo no CT Rei Pelé.

Sem vencer desde o dia 12 de maio, quando bateu o Vasco, por 3 a 0, no Pacaembu, o Peixe deve aproveitar bem as quatro atividades para corrigir pontos cruciais que levaram a equipe a três jogos sem vencer.

A partida contra o Vasco, inclusive, foi a última vez que o Santos balançou as redes. Mesmo jogando ofensivamente, o Peixe é, atualmente, o segundo time de toda a Série A que mais passou em branco em jogos oficiais em 2019.

O principal motivo para o Santos não marcar gols de acordo com seu ritmo de jogo está na pontaria. Neste Brasileirão, o Peixe é o time que mais finaliza, com 91 chutes a gol no campeonato. Porém, o aproveitamento nos arremates é de apenas 50%, ou seja, o time do técnico Jorge Sampaoli erra metade das finalizações que arrisca.

Além disso, de acordo com o site "Footstats", o Santos dá, em média, 13 chutes para marcar um gol, o que coloca o Peixe em 17º no ranking da Série A no quesito. O líder Palmeiras, por exemplo, finaliza apenas cinco vezes a cada gol.

Outra estatística que mostra a deficiência do Santos no ataque é a quantidade de passes que o time precisa trocar antes de balançar as redes adversárias. No quesito, o Peixe é 13º colocado entre os times da Série A do Brasileirão, com 366 passes para cada gol. Líder também nesse quesito, o Palmeiras toca a bola apenas 77 vezes antes de marcar.